Leonardo 500 anos

16/04/2019

Leonardo da Vinci, uma das figuras mais importantes do Renascimento, será celebrado pelo Instituto Italiano de Cultura de São Paulo (IIC) com uma série de eventos científicos e artísticos intitulados Decifrando da Vinci. No ano em que se completa quinhentos anos de sua morte, as comemorações se iniciam no dia 15 de abril, data de nascimento do artista, com uma vídeo instalação de Cesare Pergola na sede do IIC, seguida de um recital de música renascentista e conferência com o prof. André Tavares Pereira (UNIFESP) e prof. Luciano Migliaccio (USP). Os eventos começam às 19h e têm entrada gratuita.

Nosso Deputado Italo Brasileiro Oscar Castello Branco de Luca esteve com seu gabinete no evento, representado pelo Andrea Ruggeri.

Para Migliaccio, professor da Fau-USP e responsável pela organização dos eventos, "a iniciativa visa dar ao público brasileiro um panorama dos múltiplos aspectos da amplíssima atividade de Leonardo da Vinci na arte, na literatura, nas ciências naturais, na anatomia, e dos paradoxos do gênio".

No dia 15 de abril, o público viu projetados na fachada da sede do IIC, em Higienópolis, modelos tridimensionais de Cesare Pergola, arquiteto e artista italiano radicado no Brasil, feitos a partir de desenhos de da Vinci para a batalha de Anghiari e a representação do Dilúvio. Ao mesmo tempo, o ator Alvise Camozzi comenta as imagens a partir de textos escritos pelo próprio da Vinci.

O recital "O brilho do Renascimento Italiano" teve a participação de Marília Macedo (flauta doce) e Rosimary Parra (cordas dedilhadas). E uma linda palestra do Cônsul da Italia Filippo La Rosa, que com conhecimento e capacidade oratoria encantou o publico.

Michele Gialdroni, diretor do Instituto Italiano de Cultura de São Paulo, comenta que "da Vinci é o artista que melhor encarna o ideal renascentista de um gênio universal, que estava sempre em busca de uma nova solução para os problemas técnicos da realização de suas obras ambiciosas. Para recordar Leonardo, queremos recriar uma atmosfera da época com a ajuda de músicos especialistas na música renascentista, além das projeções de Pergola e a palestra dos profs. André Tavares e Luciano Migliaccio. Começou o ciclo de atividades dedicadas a da Vinci que prosseguirá durante o ano com aprofundamento e projeções sobre o artista e sua época".