Djávlon revela algumas pistas sobre o futuro de Gabigol

28/11/2019

Grande atuação do Gabigol na conquista do Campeonato Brasileiro e na Taça Libertadores não garantem sua permanência no Flamengo.

Na verdade, as duas bolas na rede diante do River Plate, claramente, fizeram os italianos crescer o olho. A negociação do passe de Gabigol anteriormente, era 28 milhões de euros (na relação com os o time carioca, o valor seria até menor). No momento, este total já teria aumentado para 35 milhões de euros o mais. Ou seja, tudo indica que, para manter o jogador no Rio de Janeiro em 2020, o Flamengo terá que trabalhar muito.

Gabigol e a Taça Libertadores
Gabigol e a Taça Libertadores

Para complicar Giuseppe "Beppe" Marotta atualmente CEO do esporte do clube de futebol italiano Internazionale (em 2014, atuando pela Juventus de Turim foi incluído no Hall da Fama do Futebol Italiano), hoje antes do confronto da Internazionale na Champions League, questionado pela Sky Sport sobre o destino da Gabigol, fez declarações importantes sobre o futuro do atacante brasileiro

«Cessione Gabigol? Lo vediamo come Lautaro un giocatore che cresce di anno in anno, a dicembre torna all'Inter perché scade il suo prestito. Dopodiché valuteremo la sua collocazione. Abbiamo richieste, difficilmente farà parte del nostro progetto».

Marotta, Andrea Agnelli Co Juventus, CR7 e Paratici, na assinatura de Ronaldo para a Juventus
Marotta, Andrea Agnelli Co Juventus, CR7 e Paratici, na assinatura de Ronaldo para a Juventus

Nós vemos Gabigol da mesma forma que vemos Lautaro (Martínez), como um jogador que está crescendo ano a ano. No final de dezembro termina seu emprestimo e vai voltar. Depois disso, vamos avaliar cuidadosamente o que fazer com ele. Dificilmente ele fará parte do nosso projeto. Ele tem várias propostas, e nós vamos avaliar tudo com calma com o jogador", 

declarou o dirigente do clube italiano.

Ficou clara a decisão da Inter de Milão em não manter o atleta em seu elenco e as possibilidades para o futuro do atacante são as mais diversas. Equipes da Premier League e também do Campeonato Espanhol se candidatam como possível destino de Gabigol.

Antonio Conte e Marotta
Antonio Conte e Marotta

A Gazzetta do Esport (Gazzetta dello Sport) acha que há um mês, foi encontrado um acordo aproximado de 22 milhões de euros, mas o clube brasileiro não afundou, e pediu para esperar conversar com o jogador, talvez convencido de que poderia jogar pelo lado negativo na ausência de outras propostas, principalmente da Europa, sobre a mesa do Inter. Uma atitude de que Marotta não gostou, sendo ele um dos maiores negociadores do planeta, e tendo na mão o passe do atleta super valorizado, no entanto, não estava mais disposto a lidar com os números anteriores. Para Gabigol, desde a noite passada, não são necessários menos de 35 a 40 milhões de euros para interessar a Inter de Milão, como o próprio Marotta mostrou. Também porque neste momento, e com certos números na mesa (31 gols em 38 jogos oficiais nesta temporada), é realmente fácil que um verdadeiro leilão internacional estoure em torno ao garoto. Isto se não fizer bonito no mundial de clube aonde seu preço poderia subir mais

Em janeiro de 2020, por assim dizer, não se pode excluir que a Gabigol treine diretamente as ordens de Antonio Conte, precisamente porque Marotta desejará monetizar ao máximo a venda do que poderia realmente se transformar em um acordo fantastico para o orçamento dos Italianos.

Na verdade como torcedor da Juventus, prefiro ver Gabigol no Flamengo o eventualmente fora da Itália, rsrsrsrs.

Djávlon