Champions League

27/11/2018

Para os apostadores da Betclic, o Manchester City é o grande favorito a vencer a Champions. Seguem-se o Barcelona e a Juventus, agora com Cristiano Ronaldo como figura maior. Curiosamente, o Real Madrid, vencedor nas últimas três temporadas, surge num modesto sexto lugar, atrás ainda de PSG e Bayern de Munique. Liverpool, Atlético, Tottenham e Manchester United compõem o top 10.

Já no que respeito ao título de melhor marcador, é Messi quem lidera, seguido de Cristiano Ronaldo. Nesta lista de favoritos.


    27/11/2018

    Juventus vs Valencia 1 - 0

    Roma vs Real Madrid 0 - 2

    Napoli vs Estrela Vermelha 3- 0

    Tottenham Hotspur vs Internazionale 1 - 0

    07/11/2018

    Internazionale vs Barcelona 1 - 1

     Napoli vs Paris Saint-Germain 1 - 1

    Juventus vs Manchester United 1 - 2

    CSKA Mosca vs Roma 1 - 2

    24/10/2018

    Manchester United vs Juventus 0 - 1

    Roma vs CSKA Mosca 3 - 0

    Paris Saint-Germain vs Napoli 2 - 2

    Barcelona vs Internazionale 2 - 0

    02/10/2018

    Juventus vs Young Boys 3 - 0

    É o ídolo das crianças. Seu rosto também mostra menos que os 24 anos atuais. E no seu estádio, a Juventus enfrentou o Young Boys, literalmente "meninos jovens" em inglês. É por isso que é a grande noite, ou melhor, o final da tarde, de Paulo Dybala. Só isso apaga a fraca resistência dos suíços: é o seu triplete/gol que determina o 3-0 final. É o primeiro triplete para Dybala da Liga dos Campeões com a camisa da Juventus e o primeiro da temporada, para um total de goles com a Juve, que sobe para 72 (9 na Liga dos Campeões). Paulo se junta a Pippo Inzaghi, Alessandro Del Piero e Arturo Vidal (último a fazer 3 em 2013) no clube restrito da Juventus, que marcou um triplete na Liga dos Campeões.

    Roma vs Viktoria Plzen 5 - 0

    Se o futebol é tudo uma questão de cabeça, então a Roma pode realmente ter se encontrado. Doze gols em três jogos (Frosinone, Lazio e Plzen), com 5 goles na Liga dos Campeões marcados pelo fogo de um incrível Dzeko e um ainda o magistral Lorenzo Pellegrini em cada canto do campo, com novas ideias, em cada recuperação e reinício. Se o futebol é tudo uma questão de cabeça, Pellegrini é o emblema dos Giallorossi. Sciapo, às vezes insípido até o derby, maravilhoso contra a Lazio e também com o Plzen.

    PSV Eindhoven vs Internazionale 1 - 2

    Como a vida muda, quando você pode se livrar da ansiedade, pressão e medo. O Inter foi à Holanda para coletar os interesses da vitória sobre o Tottenham e os três que se seguiram. Bate o PSV 2-1 em um jogo que em outras condições psicológicas teria se tornado impossível. Nainggolan responde a Rosario, depois, na cidade das lâmpadas, a Inter acende-se como as grandes. Sobre Icardi, ele jogou da grande numero 9 como o grandes atacantes do passado (Romário, Ronaldo, Van Nistelrooy) . Depois de dois jogos no grupo "da morte" os pontos são seis, como o Barcelona. Com os outros a zero: não é ruim para uma quarta banda, não é ruim, ajuda para a viagem na casa de Messi.

    Napoli vs Liverpool 1 - 0

    Aos noventa minutos, com uma ação de manual, concluída pelo melhor marcador do Napoli desta temporada, Insigne, agora primeiro no Grupo C - venceu o Liverpool e agora pode realmente esperar pela qualificação para as oitavas de final da Liga dos Campeões. Desempenho esplêndido da Azzurra, taticamente bem preparada por Ancelotti, que também adivinhou as mudanças. Liverpool não é muito brilhante do ponto de vista físico e à mercê do meio-campo azul. A final é quase lógica, porque para o Napoli, o empate teria sido muito pouco.

    18/09/2018

    Internazionale vs Tottenham Hotspur 2 - 1

    Icardi e Vecino. A noite que a Inter esperava há seis anos e meio acaba em júbilo. O primeiro gol (extraordinário) na Liga dos Campeões de Mauro Icardi, que recupera o Tottenham a 5 minutos do final e a cabeçada de Matias Vecino 92' marcam o renascimento. E Luciano Spalletti, que viu diante de si uma crise profunda e inesperada apenas algum minuto atrás, volta a ganhar com um final de leões. San Siro, mais uma vez lotado (64 mil fãs), estava com medo, mas o grito dos nerazzurri no final do jogo é um grito de guerra. Leva sete minutos, em suma, para mudar a história: até 84 'Inter nunca é perigoso, Icardi é um flop, Tottenham prova sua maturidade e controla graças a um gol (mesmo marcado com sorte) de Christian Eriksen, homem a mais de Pochettino. 

    Ai a dupla sul-americana, Icardi - Vecino e tudo muda.

    Estrela Vermelha vs Napoli 0 - 0

    O Napoli começa com arrependimento a Liga dos Campeões em Belgrado. O primeiro desafio com o Estrela Vermelha já era um cruzamento fundamental no grupo, porque no caso de um resultado negativo contra o time teoricamente mais fraco, as esperanças de qualificação se reduziriam significativamente, considerando o valor de Liverpool e Psg. O empate não recompensa a clara superioridade técnica do Napoli, que chutou no gol várias vezes sem fazer o gol. Em um ambiente muito quente, ainda mais empolgante com o desfile dos vencedores da Copa dos Campeões '91 (Estrela Vermelha), que levou o troféu dar a volta olimpica no estádio, os Azuis responderam com personalidade discreta e também por essa razão queima a falta de vitória.


    19/09/2018

    Real Madrid vs Roma 3 - 0

    O Real Madrid mostrou que chega para brigar pelo tetracampeonato da Liga dos Campeões. Com bom desempenho em sua estreia em 2018/19, a equipe espanhola bateu a Roma por 3 a 0, no Santiago Bernabéu. Isco, em linda cobrança de falta, Bale e Mariano Díaz - este um golaço - marcaram para os Merengues.

    Julen Lopetegui decidiu colocar Keylor Navas como titular, deixando Thibault Courtois no banco de reservas. Outra mudança foi a entrada de Isco na vaga de Asensio. A troca fez o Real Madrid ter mais qualidade no passe, apesar de perder um pouco de velocidade, principalmente nos contragolpes.

    Valencia vs Juventus 0 - 2

    Maior artilheiro da história da Liga dos Campeões com 120 gols, o atacante Cristiano Ronaldo acabou expulso logo em sua estreia pela Juventus na competição continental. Aos 28 minutos do primeiro tempo da partida contra o Valencia, pelo Grupo H, o jogador português reclamou de uma suposta simulação de Murillo dentro da área, acabou colocando uma mão na cabeça do colombiano e foi expulso pelo árbitro alemão Feliz Brych. CR7 entrou e desespero e deixou o gramado chorando.

    Com CR7 no vestiário, quem mais apareceu em campo foi o juiz alemão Felix Brych. Além do vermelho discutível mostrado ao craque, o árbitro apontou três penalidades máximas - duas convertidas por Pjanic, uma desperdiçada por Parejo. Sobretudo na etapa final, o Valencia metralhou o gol da Juve, com 27 finalizações, mas passou longe de ser eficiente. O que decidiu o jogo, de fato, foram os pênaltis.

    Esta na hora de ter a Var na Liga dos Campeões, ou vai parecer que alguém esta mandando no futebol, seja com as premiações seja com os juízes. 

    Resumo da Rodada

    Internazionale 

    O placar favorável conquistado com raça, deixa a Inter ao lado do Barcelona na liderança do Grupo B. O time catalão leva a melhor nos critérios de desempate.

    Segundo gol no segundo jogo da Liga dos Campeões que dá à Inter a segunda vitória consecutiva e o primeiro lugar junto com o Barcelona no "grupo de ferro". Mauro Icardi está satisfeito após o 2-1 agora o time tem que se concentrar na partida com o Barcelona, que pode já definir o primeiro time a passar as oitavas.

    Napoli

    A equipe de Ancelotti encontra sua primeira vitória na Liga dos Campeões graças a uma rede de seu melhor atacantes, Insigne, no final. Os Napoletanos estão agora em primeiro lugar no Grupo C, com 4 pontos, em segundo lugar, Liverpool e Psg (3), no quarto, a Estrela Vermelha. Contra com o Psg, a impresa é possível, mas Neymar e companhia não vão deixar barato.

    Roma

    Roma 5 a 0 tem pouco a falar. Se há uma pequena falha, na verdade, na noite esplêndida do Olimpico é precisamente a vitória simultânea do CSKA de Moscou no Real Madrid (1-0), um sucesso que complica os planos de Giallorossi. Tanto que na noite passada, no camarim do Giallorossi, todos raciocinaram mais ou menos assim: "Este é um grupo onde você pode ficar em primeiro ou terceiro lugar em um segundo". E é verdade, porque com a queda do Real Madrid, Roma também pode aspirar a vencer o grupo, como fez na temporada passada. É claro, no entanto, que muito também dependerá do duplo desafio com o CSKA de Moscou. "Estes são dois desafios muito importantes para chegar ao segundo turno", disse Dzeko na noite passada, em seu primeiro "tris" na Liga dos Campeões. E ele está certo, porque lá a Roma vai ter que jogar muito.

    Juventus 

    Mais três pontos-chave para a equipe de Allegri no segundo jogo. Sem CR7, expulso inexplicavelmente no outro jogo, e suspenso neste. Hoje a rifa ficou com Dybala, como Neymar e Dzeko, todos com três.

    Aviso para os outros clubes europeus, mesmo sem CR7 a Juventus é muito forte, um vero times de gladiadores, e continua umas das postulantes ao titulo.

    Qualificação italiana na fase de grupos

    GRUPO B

    1) Barcellona                13 gols 13:4

    2)Tottenham Hotspur   7 gols 8:9

    3) Inter                         7 gols 5:6

    4) PSV Eindhoven        1 gols  512


    GRUPO C

    1) Napoli                        9 gols 7:4

    2) Paris Saint-Germain  8 gols 13:8

    3) Liverpool                   6 gols 8:7

    4) Estrela Vermelha      4 gols 4:13



    GRUPO G

    1) Real Madrid                 12 gols 12:2

    2) Roma                          9 gols 10:6

    3) CSKA Mosca              4 gols   5:9

    4) Viktoria Plzen             4  gols   5:15



    GRUPO  H

    1) Juventus                  12 gols 8:2

    2) Manchester United 10 gols  6:2

    3) Valencia                   5 gols  4:5

    4) Young Boys               1 gols  2:11